Pai e filho matam desafeto com golpes de facão e pauladas, no Limoeiro

0
2868

Um crime bárbaro e banal e foi registrado na noite desta quarta-feira, 19, na rua 21 de Abril, bairro Limoeiro, em Itajaí, próximo da divisa com Brusque. Uma discussão banal na porta de um bar envolvendo a vítima, conhecida pelo apelido de Boca Rica, outro jovem e seu pai, resultou em um crime cruel, por volta das 23h.

Testemunhas disseram que Boca Rica pode ter ofendido uma moça que acompanhava um dos agressores, gerando uma discussão e em seguida as agressões com um facão e um pedaço de madeira. Todos os envolvidos tiveram lesões, o que demonstra que houve luta corporal.

Boca Rica levou a pior e foi duramente golpeado na cabeça, ficando caído na calçada, próximo ao Mercado Limoeiro.  A Polícia Militar de Brusque e Itajaí seguiram para o local e no início da madrugada os policiais brusquenses levantaram a informação que dois homens feridos por arma branca estavam recebendo atendimento médico.

Imediatamente as guarnições foram para o local e constaram que se tratava de pai e filho, os agressores do Limoeiro. Eles permanecem recebendo atendimento médico e assim que receberem alta, eles deverão ser encaminhados para a delegacia de Polícia de Brusque, onde serão autuados.

O Instituto Geral de Perícias (IGP) de Balneário Camboriú foi acionado e após o levantamento de praxe, inclusive apreendendo as armas usadas no crime, recolheu o corpo do local. Boca Rica era pintor e seu nome e dos supostos autores ainda não foram divulgados pela polícia.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA