CDL Brusque participa de encontro sobre demandas do Vale do Itajaí

0
7

Com o objetivo de tratar sobre questões de interesse das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Vale do Itajaí, bem como dar continuidade na busca de soluções para problemas enfrentados pelo segmento, a CDL Brusque participou na tarde de terça-feira, 29 de agosto, em Blumenau, de uma reunião organizada pela Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas de Santa Catarina (FCDL). Este foi o segundo encontro de 2017, que contou com a presença de representantes de cerca de 40 CDL, integrantes dos quatro Distritos que compõem a região metropolitana do Vale do Itajaí e da Foz do Rio Itajaí. Diversas lideranças políticas, como prefeitos, vice-prefeitos, vereadores das cidades da região, além de representantes de órgãos e entidades regionais e estaduais também marcaram presença na oportunidade.

“Queremos chamar a atenção das autoridades sobre questões que assolam os lojistas e o setor produtivo, em busca de soluções para problemas que impedem o desenvolvimento da região, que vão desde as feiras itinerantes até obras de infraestrutura. Queremos nos colocar à disposição e com a força empresarial buscar soluções em conjunto aos órgãos e entidades responsáveis, para sermos atendidos e garantirmos o desenvolvimento”, frisou na oportunidade o presidente da FCDL/SC, Ivan Roberto Tauffer.

Demandas

Na programação do encontro estiveram em pauta temas como a liberação de alvarás por parte do Corpo de Bombeiros; a ligação da BR 101 com as cidades da regional; a duplicação daBR 470; estacionamento verticalizado; e demais necessidade das CDL, como uma campanha da Federação de combate à pirataria, que será desenvolvida no estado.

Outro assunto foi referente às feiras itinerantes, que têm ocorrido com frequência em diversas localidades de Santa Catarina. Na oportunidade o presidente da FCDL falou sobre o projeto de lei nº 210/2015, que aguarda por votação na Assembleia Legislativa do Estado, e que contém sugestões da Federação, para coibir este tipo de comércio desleal.

Representantes de diversos órgãos fiscalizadores, que atuam nas feiras, também marcaram presença na reunião e esclareceram ações que tem sido feitas para a coibição das mesmas.

Falta de Água

O encontro também contou com a participação do engenheiro e diretor de Operação e Meio Ambiente da Casan, Paulo Roberto Meller, que trouxe explicações sobre a falta de água na cidade de Guabiruba. O assunto foi tema durante a última reunião regional da FCDL, realizada em Navegantes, e levantado pela CDL de Guabiruba. No encontro em Blumenau, Meller esclareceu que a Companhia realizou um projeto de engenharia que prevê nova captação de água, nova Estação de Tratamento, novo sistema de filtro, entre outras ações no município guabirubense. Os investimentos são de R$ 1,7 milhão e necessários após fortes chuvas terem afetado o sistema, há alguns meses. “Já fizemos o processo de licitação, temos a empresa vencedora e para a execução do mesmo precisamos ainda da assinatura do ‘Termo de Contrato de Programa’ entre a prefeitura de Guabiruba e a Casan, o que é exigido por lei. Assim que assinarmos essa documentação será dada a ordem de serviço para as obras. Com todos esses investimentos acreditamos que a falta de água no município será suprida”, esclareceu. Segundo o diretor, a previsão é de que nas próximas semanas o contrato legal possa ser assinado para o início das obras.

Continuidade

Para o presidente da CDL Brusque, Michel Belli, o encontro foi muito positivo já que deu continuidade as discussões feitas na primeira reunião do ano com as CDL regionais. “Vimos que essas reuniões surtem efeitos. São assuntos pertinentes e de interesse não apenas para a classe do comércio e dos lojistas, mas também para a sociedade como um todo. Como o projeto de lei sobre as feiras, que está na Alesc, e que também foi enviado ao nosso município. Esperamos que ele seja aprovado em breve, assim como o projeto de lei municipal que regulamenta o comércio dos ambulantes em Brusque”, avaliou Michel.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA